quinta-feira, 6 de agosto de 2009

Começando a Falar de Contagem de Carboidratos

Bom dia pessoal!!!! Cá estou em meu consultório e logo mais vou atender uma paciente que faz contagem de carboidratos.... muitos pacientes acham que a contagem de carboidratos é uma coisa do outro mundo, mas no fundo a coisa é bastante simples... no começo um pouco trabalhosa, mas com o tempo a gente decora os valores e fica tão natural como dirigir.... Mas o que seria a contagem dos carboidratos?????
Bom, a função primordial dos carboidratos é fornecer a energia para o funcionamento de todas as células do nosso organismo.
Eu gosto de falar para todos os pacientes, que, de maneira bem grosseira, tudo que nasce debaixo da terra e tudo que é feito de farinha são carboidratos... tem suas exceções lógico (cebola, por exemplo), mas fica fácil de lembrar de quem estamos falando!
Dentro dos carboidratos, estão os cereais (trigo, milho, aveia, arroz...), os tubérculos (batata, mandioca, mandioquinha, inhame, cará) e os açúcares (açúcar de mesa, mel).
Os carboidratos estão dividos devido à sua estrutura em carboidratos complexos e simples. Apenas os carboidratos simples podem ser absorvidos pelo corpo através do intestino para virar energia. Os carboidratos mais complexos precisam ser digeridos e transformados em formas mais simples para poderem ser aproveitados. O carboidrato simples mais conhecido e importante é a glicose. Para entrar nas células e fornecer energia ao nosso organismo, essa tal glicose precisa de uma "chave". Sem essa chave, ela fica no sangue em quantidades cada vez maiores, e causa muitos danos aos diversos órgãos, como os olhos e os rins. Essa "chave" tem nome: é a insulina, produzida pelo pâncreas, cuja falta de produção ou ação não eficiente, causa o tal maledeto diabetes.
Todos os portadores de diabetes tipo 1 e os diabéticos tipo 2 que usam várias doses de insulina podem utilizar a técnica de contagem dos carboidratos.
Sabendo a quantidade exata de carboidrato ingerido, é possível dosar a quantidade exata de insulina a ser aplicada, evitando que os carboidratos fiquem em excesso ou em pouca quantidade no sangue. Estamos falando aí da hiperglicemia (excesso) e hipoglicemia (pouca quantidade).
A contagem de carboidratos é uma ferramenta fantástica que requer responsabilidade, disciplina e conhecimentos no seu manuseio, mas confere uma certa liberdade aos pacientes que utilizam a técnica, uma vez que os mesmos saibam quantos carboidratos estão ingerindo e apliquem insulina ultra-rapida adequadamente (NovoRapid, Humalog ou Apidra).
Normalmente inicia-se como ponto de partida com 1U (unidade) de insulina ultra rápida para cada 15 gramas de carboidratos ingeridos, mas existem alguns parâmetros que variam entre as pessoas e precisam ser determinados pelo médico responsável. Dentre estes parâmetros está a sensibilidade à insulina e o tipo de insulina que será utilizado no esquema.
Vamos à um exemplo mais prático????
Verinha é uma diabética bem informada que utiliza a técnica de contagem de carboidratos. Já foi calculado pelo médico que a necessidade dela é de fato 1U de insulina para cada 15g de carboidratos consumidos.
O café da manhã da Verinha foi o seguinte:
- 1 xícara grande de leite (240 ml)
- 1 colher de sobremesa de achocolatado
- 1 pão francês com miolo
- 1 fatia média de queijo
Antes de se alimentar, ela consultou a tabela de carboidratos que ela possui, na qual consta a quantidade de carboidratos dos alimentos mais utilizados pelos brasileiros, e calculou:
- 1 xícara grande de leite tem 12g de carboidratos (CHO)
- 1 colher de sobremesa achocolatado tem 13g de CHO
- 1 Pão francês com miolo tem 28g de CHO
- 1 fatia média de queijo não tem CHO
TOTAL= 53g de CHO no café da manhã
Para finalizar, Verinha somente dividiu a quantidade total de carboidratos dos alimentos pela relação insulina/carboidrato: 53g por 15g/U = 3,53U de insulina que foi aplicada para aquela refeição. Ou seja, em todas as refeições, estes cálculos devem ser realizados.
Com o tempo a Verinha pegou "a manha da lasanha" e faz essa contagem com muita facilidade, pois segue um certo padrão alimentar no dia-a-dia....
Deu pra pegar o espírito da coisa????
Mais pra frente vou retomar esse assunto tão discutido ultimamente entre os diabéticos!

quarta-feira, 5 de agosto de 2009

Confira o estado nutricional de seu filho

Oi gente, bom dia!
O sol está de volta (pelo menos é o que parece!!)....
Estava lendo umas reportagens pela internet sobre nutrição e achei esse link do Estadão que saiu neste último final de semana muito interessante: http://www.estadao.com.br/especiais/confira-o-estado-nutricional-de-seu-filho,50448.htm

É para todas as mães de plantão conferirem o estado nutricional de seu rebento!!!! As relações entre peso, altura e idade podem indicar obesidade, subnutrição ou até mesmo déficit de crescimento... realmente uma pequena ferramenta útil para acompanhar o desenvolvimento das crianças entre as consultas com o pediatra e é lógico, com a nutricionista!!!!

Vale sempre lembrar que atualmente temos muito mais obesidade crescendo entre os pequenos do que a desnutrição...

É bom prestar atenção nos lanches dos "bacurinhos" e deixar um pouco de lado os alimentos industrializados... nada como ter um lanchinho caseiro preparado com todo carinho! Cheio de amor e zero de gordura trans!!!!!!!!!

segunda-feira, 3 de agosto de 2009

O que são calorias?

Essa piadinha da "nutrolândia" eu recebi hoje por e-mail de uma grande amiga nutricionista que trabalha com alimentação escolar em Diadema. Bjos Ângela!!!

O QUE SÃO CALORIAS???
"CALORIAS SÃO PEQUENOS E INESCRUPULOSOS VERMES QUE VIVEM NOS GUARDA ROUPAS, E QUE DURANTE A NOITE, APERTAM AS ROUPAS DAS PESSOAS"

Se fosse assim, era só chamar o DDDrin que tudo estava resolvido (e eu estava desempregada)!

Adoçante Sucralose

Pra quem me conhece, sabe que eu sou altamente fã da Sucralose como a melhor opção de adoçantes dietéticos que tem no mercado!


Mas por favor gente não confundam SACAROSE com SUCRALOSE! A sacarose é o nome técnico para o açúcar branco, esse de mesa que a gente usa no dia-a-dia. A sucralose é o adoçante mais indicado no mercado. Pra quem não o conhece, aí vai uma pequena explicação:


- A sucralose é um dos adoçantes (edulcorantes) do mercado que tem o sabor mais próximo ao açúcar. É o único edulcorante obtido através da sacarose (açúcar da cana-de-açúcar). Portanto, apresenta características muito próximas à sacarose. É um pó branco cristalino com poder de adoçar 600 vezes mais que a sacarose. Embora o açúcar e a sucralose tenham estruturas químicas muito semelhantes, o organismo NÃO é capaz de metabolizar a sucralose, o que faz dela uma substância zero caloria e indicada para diabéticos.


- A sucralose foi aprovada pelo FDA - Food and Drug Admnistration e ANVISA - Agência Nacional de Vigilância Sanitária; foi estudada por mais de 20 anos, onde foram conduzidas muitos de estudos sobre sua segurança e toxicidade.

Os estudos têm demonstrado que a sucralose não faz mal à saúde, mesmo com quantidades de consumo muito superiores ao necessário para adoçar, não havendo nenhum tipo de restrição ao seu consumo. Vale lembrar que alguns edulcorantes não são orientados para algumas pessoas, como gestantes e crianças (que podem consumir a sucralose), como por exemplo o ciclamato, sacarina, aspartame para gestantes.


- A sucralose pode ir ao fogo, ou seja, dá para realizar diversas preparações culinárias com esse adoçante. Existe inclusive versões "forno e fogão" do produto no mercado.


- O produto pode ser consumido por qualquer pessoa - de crianças a idosos, incluindo os diabéticos, fenilcetonúricos e gestantes.


Para maiores informações, acesse: http://www.splendaprofessional.com/


Agradecimentos especiais ao site da Linea: http://www.lineadiet.com.br

10 Passos para uma Alimentação Saudável

O sol chegou, nem acredito que eu estou "desmofando"!!!


Hoje (segundona) estava no ambulatório do Hospital do Rim e Hipertensão e abordamos com nossos pacientes 5 dos 10 passos de uma alimentação saudável. O Ministério da Saúde lançou os “Dez Passos para uma Alimentação Saudável” (acredito que foi em 2008, pois não achei nenhuma referência sobre a data). Ele tem o objetivo de orientar a população a fazer escolhas alimentares saudáveis. É bem um "arroz com feijão" da Nutrição que pode ajudar (e muito) o início do processo de reeducação alimentar. Caso queira mais informações, você pode
acessar o Guia completo pela internet no endereço www.saude.gov.br/nutricao


Abaixo seguem esses 10 passos:


- Faça pelo menos 3 refeições (café-da-manhã, almoço e jantar) e 2 lanches saudáveis por dia (lanche da manhã e lanche da tarde, por exemplo). Não pule as refeições!


- Inclua diariamente 6 porções do grupo do cereais - carboidratos (arroz, milho, trigo, pães e massas), tubérculos (como as batatas e raízes como a mandioca) nas refeições. Dê preferência aos grãos integrais (arroz integral pão integral) e aos alimentos na sua forma mais natural (evite comer tanto alimento industrializado!);


- Coma diariamente pelo menos 3 porções de legumes e verduras como parte das refeições e 3 porções ou mais de frutas nas sobremesa (cuidado diabéticos com tantas frutas no dia);


- Coma feijão com arroz todos os dias ou, pelo menos, 5 vezes por semana. Esse prato brasileiro
é uma combinação completa de proteínas e bom para a saúde;


- Consuma diariamente 3 porções de leite e/ou derivados e 1 porção de carnes, aves, peixes ou ovos. Retirar a gordura aparente das carnes e a pele das ave e dos peixes e antes da preparação torna esses alimentos mais saudáveis. Prefira os alimentos assados, cozidos, grelhados;


-Consuma, no máximo, 1 porção por dia de óleos vegetais, azeite, manteiga ou margarina. Cuidado com a quantidade de óleo usada no preparo dos alimentos;


- Evite refrigerantes e sucos industrializados, bolos, biscoitos doces e recheados, sobremesas e outras guloseimas como regra da alimentação;


- Diminua a quantidade de sal na comida e retire o saleiro da mesa. Utilize temperos naturais, omo tomilho, louro, orégano, sálvia, salsinha, cebolinha, alho e cebola;


- Beba pelo menos 2 litros (6 a 8 copos) de água por dia. Dê preferência ao consumo de água nos
intervalos das refeições;


- Torne sua vida mais saudável. Pratique pelo menos 30 minutos de atividade física todos os dias e evite as bebidas alcoólicas e o fumo.


A idéia é começar escolhendo aquela orientação que pareça mais fácil, interessante ou desafiadora, seguindo-a todos os dias. A intenção é incorporar no dia-a-dia! Não é necessário que se tente adotar todos os passos de uma vez só e também não é preciso seguir a ordem dos sugerida nos 10 passos. Ou seja: o que interessa é começar e começar bem feito!!