sábado, 29 de agosto de 2009

Suplementação Protéica Pós Cirurgia Bariátrica

Bom dia pessoal!



Por essa nem eu esperava! Em pleno sábado de manhã, cá estou eu trabalhando!!! Acordada desde às 05h30 da matina... estou em um consultório de cirurgia bariátrica que eu atendia há 2 anos em Campinas... vim cobrir minha amiga Patrícia (bjos, força sempre!). Adoro esse consultório, foi muito nostálgico voltar aqui e reencontrar pessoas que eu gosto tanto!!! Uma pena não poder ficar mais!!!!

Lamúrias à parte, acabei de atender uma paciente que deu orgulho, viu??? Essa sim abraçou a causa pós cirurgia bariátrica! A paciente está operada há 1 anos e 2 meses, com uma perda de peso de 37,7% em relação ao peso pré cirúrgico. Faz caminhadas por 1 hora todos os dias da semana (incluindo os finais de semana), faz 6 refeições ao dia, todas com algum alimento fonte de proteína... fantástico! Conversamos bastante sobre a importância da ingestão de proteínas após a cirurgia... tenho (juntamente com outras nutris que trabalham com cirurgia bariátrica) um pequeno consenso com o qual trabalho junto aos pacientes:

SEXO FEMININO: ingestão protéica no pós operatório de no mínimo 55g/dia, com um objetivo ideal de 80g/dia

SEXO MASCULINO: ingestão protéica no pós operatório de no mínimo 65g/dia, com um objetivo de 100g/dia



Mas atenção! 55 gramas de proteínas não significa MESMO 55 g de carne! Temos sempre que lembrar que a carne tem água, sangue, gordura e não somente e tão somente proteínas!!!

Isso são cenas de um próximo capítulo... eitcha que assuntinho polêmico, viu?????

sexta-feira, 28 de agosto de 2009

Alimentação e Atividade Física

Bom dia pessoal!
Sexta feira... de sol (quase calor)!!!!
Minha amiga Déia (enfermeira que eu adoro! Bjos camarada!!!!) me mandou um e-mail com o seguinte questionamento: "Amanda, vc poderia postar uma dieta para quem tá fazendo academia? Ou seja, como saciar aquela fome maluca que surge depois da malhação? Como se saciar sem alastrar"????

Eu adorei essa pergunta, me fez pensar muuuito... porém eu não vou poder simplesmente postar uma dieta (sorry Déia)!!! Seria muita pretensão minha colocar uma "dietinha de gaveta" no blog e qualquer pessoa seguir a bonitinha!!!!
Imaginem tanto o 'malhação man' que fica 3 horas na academia 5 vezes na semana e aquela senhorinha que teve indicação de realização de atividade física e ganho de massa muscular do ortopedista e do fisioterapeuta (pra melhorar aquele joelho que não é mais o mesmo) fazendo a mesma dieta daqui do blog???? Sem condições!!!! Rssrsrsrsssss....
O que é importante: pra quem malha existem algumas regras básicas de ouro que devem ser seguidas.... vamos à alguma delas???
- Nunca ir pra academia de barriga vazia!!! É sempre importante ingerir alguma fonte de carboidratos (vc está indo pra queimar energia, mas vc precisa daquela energia pra começar, dar o 'start' e conseguir fazer todo o plano de exercícios proposto!)... se o objetivo é o ganho de massa muscular, nada mais justo ingerir também uma fonte de proteínas também!!!!
- Se hidratar ao longo da atividade física: desidratação é sinônimo de queda de rendimento! Por isso bebericar água aos poucos em intervalos regulares é super interessante!!!!
- Comer após a atividade física: seria muito interessante pra minha amiga Déia desesperada que ela almoçasse ou jantasse após a atividade física... mataríamos 2 coelhos com uma cajadada só! Ou seja, ela comeria um volume respeitado de comida (afinal de contas, estamos falando das duas grandes refeições do dia), com nutrientes interessantes para repor aquilo que foi consumido na academia e promovendo ganho de massa muscular....

É importante saber que o potencial de saciedade dos alimentos segue a seguinte proporção: proteínas sempre em primeiro lugar, seguido dos carboidratos e por último os lipídeos (que são os mais calóricos!), de acordo com um artigo publicado em 2007 na Universidade de Viçosa. Ou seja: para não atacar a comida feito desesperados após a atividade física, é interessante consumir alimentos fontes de proteínas e alimentos fontes de carboidratos - especialmente os integrais, que são ricos em fibras e ajudam na promoção da saciedade (encher a barriga!!!).

Andréa querida, deu pra te ajudar será???? Espero que sim!!!!

quinta-feira, 27 de agosto de 2009

Carne gordurosa gordurenta!!!!

Gente, boa noite!!!

Amanhã já é sexta, que delícia!!! Não vejo a hora de relaxar depois de uma semana tãããão corrida!!!!
Acabei de receber de uma amiga-colega de trabalho diabética psicóloga (não é psicótica, é psicóloga) este e-mail super interessante sobre os cortes de carne bovinos (Graça, beijocas!).
Tem tantas opções de cortes de carne no mercado que às vezes os pacientes se perdem na hora da compra!!!! Mas uma coisa é muito importante: nobreza da carne nada tem a ver com a qualidade nutricional!!!
Ou seja: você não vai comer menos gordura ou mais proteína se o corte da carne for nobre!!!!
Comer carne de segunda pode SIM ser uma opção mais barata E mais saudável....
Vamos à tabela????
O que dá pra notar??? Os cortes de carne mais magros servem tanto pra bife como pra carne cozida... sempre lembrando que a gordura saturada é a gordura venenosa da nossa alimentação, que contribui para aumentar o colesterol ruim do sangue e a causar o entupimento de vasos sanguíneos... Xô saturadas!!! Xô!!!!!

Pras cozinheiras (e cozinheiros amadores) lá se vai algumas dicas de cortes de carne e seu uso culinário... desta maneira os convidados agradecem e preservam a mandíbula na mastigação!

Acém
Carne de segunda, ótima para cozidos e carnes de panela. É o segundo melhor corte para carne moída (só perde pro patinho!). Ponto chato: os "nervinhos", que dá uma agonia de mastigar!

Contra Filé
É um dos melhores cortes para bifes e grelhados. Sua carne é macia, rodeada de entranhas de gordura. Faz um excelente rosbife!

Filé Mignon
O supra-sumo das carnes, de maciez incomparável.... pode ser usado desde um estrogonofe até um filé grosso à Chateubriand (chiquérrimo!).

Fraldinha
Muito macia, sendo atualmente bem apreciada nas churrascarias. Ainda serve para fazer bifes pequeninos e até assados!

Patinho
Ideal para assados, bife à milanesa e carne de panela. É mais indicado para assados ou para moer, sendo que o patinho também fica saboroso em bifes, como o bife de panela ou bracholas.

Coxão Duro
Excelente para fazer cozidos, assados e sopas.


Então nada de fazer bife de acém e nem moer filé mignon!!!!!!!!

terça-feira, 25 de agosto de 2009

Saladas no inverno?? Use a criatividade (e os molhos light)!

Gente, boa noite!

Eu seeeei que muitas vezes comer saladas durante o inverno é mais complicadinho... tem pacientes que não são adeptos às saladas e preferem uma sopinha... mas cá entre nós: nada como uma boa e velha salada pra poder dar aquela enchida de barriga antes de começar a comer a comida quente! É no inverno que a gente abusa mais da alimentação e se a gente não come uma salada pra dar aquela segurada... afeee... ganhamos um milhão de quilos a cada 15 dias durante o inverno!!!! Rsrsrsrsrs....

Fora que a saladinha (verduras e legumes crus e com casca) é cheia de nutrientes, fibras... o alimento está na sua forma mais "natural"... ou seja: nada como a amiga salada dentro do cardápio do dia a dia para gente ter uma alimentação mais saudável e tentar manter o peso na época dos fondues da vida!!!!

E eu sei que comer saladas às vezes cansa! Aquele saborzinho do alface às vezes enjoa.... e o que fazer???
Hoje eu estava elaborando a dieta de uma paciente que passou em consulta comigo semana passada e ela havia me pedido opções de molhos para saladas, pois ela não gosta muito do sabor das folhas... assim ela não cai na tentação dos molhos industrializados nem na tentação da maionese!!! Menina esperta essa!
E olhem 2 das receitas que selecionei para ela:

Molho de ervas e cottage:
- 2 xícaras de chá de queijo cottage
- 2 colheres de sopa de suco de limão
- 2 colheres de sopa de manjericão fresco picado
- Sal a gosto
Amasse o cottage com um garfo e misture os outros ingredientes.
Fantástico né???? E o bichinho pode ficar uns 2 dias na geladeira! Se vcs não quiserem fazer tanto molho, é só cortar a receita pela metade!!!

Molho oriental:
- 3 colheres de sopa de shoyu
- 5 colheres de sopa de azeite de oliva
- Suco de 1/2 limão
- 1 colher de chá de gengibre fresco ralado
- Sal a gosto
Misture todos os ingredientes.
Só os hipertensos de plantão que devem tomar cuidado com esse molho, pois o shoyu é riquíssimo em sódio e pode contribuir para elevar a pressão arterial!

Viu como comer folhas no inverno não é nada torturante???? Usando um pouco de criatividade e bom senso a gente chega lá!!!

Dieta Sólida Pós Cirurgia Bariátrica

Buenas tardes, pessoal!
Tudo bem com vocês??? Hoje eu estou mais tranquila, por isso vou falar um pouquinho do padrão alimentar pós cirurgia bariátrica... uma paciente minha, de coração bem aberto, resolveu me mandar o que ela comeu assim que ela entrou na dieta sólida. Pra vocês entenderem melhor: essa paciente fez a técnica de Capella, ficou 30 dias na dieta líquida e quando eu dei a "carta de alforria" pra ela, ela resolveu se esbaldar! E eu chiliquei!!!!!! Hahahaha... segue abaixo um dia alimentar dela:
06h00 – 220ml água coco
o7h20 – ½ pão na chapa sem miolo com pouca manteiga
100mL de suco melancia sem açúcar
11h00 – 05 unidades de amendoim japonês
1 bala

13h30 – 1/3 filé de pescada frito
2 colh. sopa de arroz
2 colh. sopa de creme de espinafre
300 mL de suco melancia sem açúcar
15h30 – 1 mini chocolate
17h20 – 1 fatia fina queijo minas
½ bife frito no azeite
21h00 – 350mL água de côco natural
22h00 – 3 pedaços pequenos batata cozida com queijo minas

Bom, quais são os grandes problemas nesse dia alimentar????
Ai, ai, são vários... a começar pelo café da manhã: SEM PROTEÍNAS!!! Os alimentos fontes de proteínas são o carro chefe da alimentação pós cirurgia bariátrica... vários estudos científicos já demonstraram a importância de uma suplementação protéica e da deficiência protéica logo nos primeiros meses de cirurgia... por isso é essencial priorizar, especialmente nas refeições principais, os alimentos de origem animal, que são fontes de proteína! Produtos à base de soja (proteína de soja e leite de soja original) também são opções interessantes!!!!

No lanche da manhã vemos apenas alimentos que fazem "croc croc"... são os maledetos alimentos que esmigalham na boca... os veneninhos pós cirurgia! Eles descem bem, não dão muito trabalho pra mastigar e em compensão são paupérrimos em proteínas e riquíssimos em calorias... ou seja: o paciente come aquilo que "desce bem" e deixa de comer aquilo que é mais importante e rico em nutrientes essenciais!!!! A perda de peso é prejudicada e a ingestão protéica também!!! O tiro sai pela culatra!!!!!!!!!

No almoço, bem que dava pra diminuir o arroz, tirar o suco da refeição e lógico, aumentar o peixinho - se fosse cozido ou ensopado, melhor!!! É sempre importante evitar de beber e comer ao mesmo tempo... esse é um hábito nada saudável e deve ser totalmente desestimulado!!!

Lanche da tarde 1: um docinho... só calorias, gordura saturada e sem proteínas... ô tristeza!!
Lanche da tarde 2: proteínas, aê!!! Comer bife de tarde é meio bizarro, mas tudo bem... espero que no futuro isso não vire um repeteco de um almoço!!!! Será que ela jantou cedo, foi isso??? Espero do fundo do meu coração que sim!!!!

À noite: mais água de côco... devemos sempre lembrar que água de côco não é água!!!! A água de côco é uma bebida diurética, com poucas calorias, livre de gordura e com grande quantidade de potássio. Pra quem tem diabetes, hipertensão ou deficiência renal, o consumo de água de côco deve ser controlado devido à quantidade de sódio, potássio e outras substâncias, que podem agravar o quadro dessas doenças. Mas veja bem: ela pode estar presente dentro de um plano alimentar balanceado e em substituição a uma porção de fruta diária!!! Ou seja, não faça a festa da água de côco! Ela tem muitos minerais e isso pode acarretar em pedras nos rins, please!!!!

Mais à noite: batata com queijo... não é a melhooor combinação do mundo, mas melhor um carboidrato complexo do que um doce ou bolacha ou salgadinhos de pacote!!!!

O que é importante, antes de mais nada: de nada adianta operar se a gente não trabalhar a mudança de atitude e mudança de estilo de vida na nossa cabeça... se os pacientes fizerem exatamente a mesma coisa que faziam antes de operar, não há divindade religiosa que segure a perda de peso a médio e a longo prazo... se eu comer um pacote de amendoim e 2 milk shakes todo dia eu vou ganhar peso... e o paciente operado também!!!!!!!! As calorias dos alimentos não vão embora com o ar, rsrsrsrssss...

É importante pensar sobre todo o esforço que foi feito para se operar.... deitar na mesa, deixar o cirurgião passar a faca, toda a recuperação dolorosa, dieta líquida... pra simplesmente enfiar o pé na jaca e pôr tudo a perder é complicado!!!!!!!!
Think!!!!!!